Artigos

Dopping Perfeito

Dopping Perfeito

O Doping perfeito para a Maratona, O doping perfeito para ti?

 

Desde que o homem compete que se interroga: O que poderei usar para ficar mais forte, mais ágil, mais rápido do que o meu adversário?”. Tendo em conta que não somos apologistas do consumo de substâncias proibidas no desporto, seja em competição ou fora dela, vamos debruçarmo-nos um pouco acerca de uma substância natural que tem ganho cada vez mais notoriedade.

 

Já ouviste falar em Cordyceps, o cogumelo mágico para os atletas?

DOPING natural?!

 

Cada vez mais se referencia a utilização de produtos naturais na suplementação energética de atletas. Contudo, nem todos os produtos quer sejam de origem animal, vegetal ou mineral são eficazes a cumprir este objectivo nem tão pouco desprovidos de efeitos secundários.

Um dos produtos mais falados nos últimos anos chama-se Cordyceps Sinensis (em 2007 renomeado para Ophiocordyceps Sinensis), que na realidade é um fungo que se aproveita dos insectos para realizar o seu ciclo reprodutivo. Este cogumelo/fungo é utilizado há centenas ou milhares de anos pela Medicina Tradicional Chinesa (e outras terapias de origem oriental) como fitoterapêutico devido à sua eficácia no tratamento de patologias relacionadas com o Pulmão, Rim e disfunção eréctil.

Associada a esta eficácia tem-se demonstrado na prática e em estudos científicos (1) que esta substância potencializa a energia do organismo, o que é uma arma cada vez mais adoptada por atletas de todas as modalidades, uma vez que é eficaz, legal e autorizada pelas comissões Anti-Doping.

Em 1993, o Cordyceps ganhou maior visibilidade no ocidente com o “milagre” conseguido por várias atletas chinesas pela ocasião do Campeonato de Atletismo Nacional Chinês disputado em Beijing. Estas ao bateram um conjunto de 5 recordes mundiais (2) foram prontamente acusadas de doping pela imprensa internacional. Após os testes e análises anti-doping concluiu-se que nenhuma substância dopante fora utilizada. O treinador das atletas explicou que os treinos foram realizados em altitude e que se tinha aproveitado dos conhecimentos da Medicina Tradicional Chinesa e de Dong Chong Xia Cao, nome comum utilizado na China para o Cordyceps, para alcançarem tais objectivos.

 

Este foi apenas o primeiro relato do uso de Cordyceps em altas competições.

 

Com o avançar dos estudos veio a comprovar-se que esta substância é um dos maiores aliados dos atletas e apesar do seu aspecto, apresenta várias vantagens: aumento da rentabilidade, aumento da performance, é um suplemento autorizado, tem propriedades antioxidantes e revitaliza o sistema imunitário.

Apesar de todas as vantagens enumeradas o Cordyceps, tal como a maioria das plantas, pode ter efeitos secundários se as doses máximas não forem respeitadas e não for tomada em conjunto com outras substâncias fitoterapêuticas, ou seja, numa fórmula de fitoterapia devidamente prescrita.

 

Para mais informações ou dúvidas acerca desta e outras substâncias fitoterapêuticas consulta o teu Especialista em Medicina Tradicional Chinesa.

 

(1) Kumar, R. et al., Cordyceps sinensis promotes exercise endurance capacity of rats by activating skeletal muscle metabolic regulators, Journal of Ethnopharmacology,Volume 136, Issue 1, 14 June 2011, Pages 260–266.

(2) Steinkraus, D.C & Whitfield, J.B. (1994), Chinese Caterpillar Fungus and World Record Runners, American Entomologist, 235-239.

 

Artigo escrito por Helder Flor e publicado em all4running.pt